sexta-feira, 11 de dezembro de 2009

Porque nunca é tarde para cozinhar

Por Eliza Brito
.
Nunca soube cozinhar. Sempre fui compulsivamente gulosa. O apreço pela boa comida me fez adentrar no mundo dos blogs e do jornalismo gastronômico e depois de assistir ao filme Julie & Júlia decidi me iniciar no mundo das caçarolas.

Hoje, farei minha primeira receita! E irei postando, aos poucos, todas as novidades. Até porque foi assim que Julie, uma escritora que nunca tinha publicado um livro, descobriu sua paixão pela gastronomia e se firmou como escritora de verdade. Na ânsia de terminar algum projeto, Julie decidiu fazer um blog e postar todas as receitas feitas por ela, tiradas do livro de sua ídola, a chef Júlia Child, que revolucionou a forma de comer nos Estados Unidos.

Longa, mas sem causar cansaço, a película é uma sensível história de amor à gastronomia e ao próprio amor. No relato paralelo das vidas das duas personagens, as dificuldades de um relacionamento amoroso e das conquistas pessoais tornam ainda mais saboroso se deliciar com Julie & Júlia, longa-metragem obrigatório para os cinéfolos de plantão.

2 comentários:

gabicruz.m disse...

Vou acompanhar! Vai ver assim eu também não acabo iniciando no mundo das caçarolas...

Liriana disse...

Que massa, Eliza! Eu amei esse filme, achei tão fofo. E dá muita vontade de cozinhar mesmo, ensina a ver o ato um pouco com outros olhos. Qualquer dia eu embarco nessa tb. E vou acompanhando aqui.